A importância dos cereais integrais nas mulheres grávidas

15 Set, 2015

Um novo estudo, realizado por investigadores da Nestlé em colaboração com o Consórcio internacional de EpiGen, identificou que o consumo de cereais integrais inferior às recomendações internacionais potencia o risco de surgimento de diabetes gestacionais.

Publicado no Asian Pacific Journal of Clinical Nutrition, este é o primeiro estudo sobre o consumo de cereais integrais na população asiática e em mulheres grávidas.

A análise das dietas em menos de 1000 mulheres demonstrou que apenas 30% se apresentavam como consumidoras de cereais integrais. Mesmo entre estas mulheres, a média de ingestão diária é de apenas 23.6g, que se apresenta como um valor inferior ao recomendado pelo Singapore Health Promotion Board.

Estudos anteriores sugerem que uma dieta rica em cereais integrais melhora o metabolismo da glucose, reduzindo o risco de diabetes gestacionais mellitus. Em Singapura, os dados apresentados, para o aumento do risco de nascimento por cesariana, são dos mais elevados a nível mundial.   

Considera-se também que uma dieta rica em cereais integrais contribui para a redução do risco de desenvolvimento de diabetes do tipo 2, tanto na mãe como na criança, numa fase mais adiantada da sua vida.

Compreender e melhorar a nutrição das mulheres grávidas e dos recém-nascidos durante os primeiros 1000 dias de vida é uma prioridade para a Investigação na Nestlé,” refere Thomas Beck, Diretor do Nestlé Research Center.

A nossa parceria com a EpiGen contribui para uma melhor compreensão de como a dieta e o estilo de vida das mulheres grávidas pode influenciar não só a sua saúde, mas também o crescimento e desenvolvimento da criança.

A Nestlé começou a colaborar com a EpiGen, um Consórcio de investigadores de epigenética situado na Nova Zelândia, Singapura e Reino Unido, no ano de 2011. No último ano, a Companhia investiu 22 milhões de CHF para prolongar a parceria por mais seis anos.

O estudo da epigenética centra-se na forma como o ambiente, incluindo a dieta, pode conduzir a alterações (com potenciais implicações na saúde) no ADN das mães e das crianças.

A Nestlé está comprometida em encorajar o consumo de cereais integrais, com o objetivo de aumentar a presença de cereais integrais nos cereais de pequeno-almoço e promover a preparação de refeições com cereais integrais, através do Programa Internacional de Lições de Cozinha Maggi.