CEO da Nestlé apela a que seja dado mais valor à água

30 Ago, 2012

O CEO da Nestlé, Paul Bulcke apelou a que seja dado mais valor à água para evitar uma crise alimentar mundial.

No seu discurso no evento anual World Water Week em Estocolmo, na Suécia, Paul Bulcke referiu que a escassez de água é um dos principais motivos para a tensão crescente entre a oferta e a procura de alimentos.

Apelou para que os governos tomem a liderança na elaboração credível de estratégias custo- efetivas para enfrentar a escassez de água, e sublinhou que a sociedade empresarial, civil e outros interessados devem estar preparados para assumir uma maior responsabilidade pelo problema.

O mais útil Recurso

"Se a algo não for dado valor, as pessoas tendem a desperdiçá-la", disse Paul Bulcke. "A água é o nosso recurso mais útil, mas os que a utilizam, muitas vezes, nem sequer cobrem as despesas relativas à sua infraestrutura”.

"A água doce está a ser massivamente usada em demasia por conta da natureza, mas parece que só uma crise global é que nos vai fazer perceber a importância desta questão”.

"O que hoje é ambientalmente insustentável vai tornar-se no futuro socialmente insustentável", alertou.

Leia a versão inglesa aqui.